Maranhão

‘Máfia dos aluguéis de veículos’ tem empresa com endereço fantasma

Acusada de formação de cartel para fraudar licitações na chamada ‘máfia dos aluguéis de veículos’, a empresa R.L. de...

Acusada de formação de cartel para fraudar licitações na chamada ‘máfia dos aluguéis de veículos’, a empresa R.L. de Farias EPP, cujo nome de fantasia é Plenna – Locação de Máquinas e Veículos, venceu 36 dos 39 ‘processos licitatórios’ que participou. A soma destes contratos em 28 municípios representa a bagatela de R$ 9,1 milhões, conforme levantamento realizado pela reportagem do Maranhaodeverdade.com junto ao sistema “Contas na Mão”, do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

A firma foi citada numa Ação Civil Pública (ACP) do Ministério Público do Maranhão (MP-MA) baseada em denúncias de suposto contrato de aluguel de veículos para a Prefeitura de Bom Jardim, a 275 km de São Luís, de maneira irregular.

De acordo com informações obtidas pela reportagem, o promotor de justiça Fábio Santos de Oliveira verificou que os veículos pelos quais o Município de Bom Jardim pagou R$ 178 mil não eram, de fato, zero km. “Os três veículos foram adquiridos, inicialmente, pela empresa F V da Silva Eireli que os repassou, após quatro meses, à R V da Silva Eireli, contratada pela Prefeitura. A segunda empresa ainda levou cerca de um mês para transferir os automóveis para o Município. A ambulância adquirida, por exemplo, foi entregue com 1.900 km rodados”, destaca trechos das denúncias.

Mas essa nem de longe representa a única irregularidade. A R.L. de Farias EPP tem registro na junta comercial e deveria ter sede na cidade de Pindaré Mirim – MA. Mas, no endereço informado que fica na Rua Santo Antônio, nº 4 A, no bairro Alto do Bode, daquele município, o que existe, na verdade, é uma residência simples sem movimentação de funcionários e muito menos equipamentos ou veículos.

Endereço fantasma no município

Endereço fantasma no município

Uma simples consulta no sistema do órgão de fiscalização pública foi possível descobrir que além de Bom Jardim, ao menos 27 municípios estariam sendo beneficiado pelo suposto esquema da ‘máfia dos aluguéis de veículos’, que estaria servindo de ‘ralo da corrupção’ por onde vem escorrendo o dinheiro público.

Constam na lista as cidades de Tufilândia, Bacuri, Nova Olinda do Maranhão, Morros, Matões, Palmeirândia, Rosário, Porto Franco, Maracaçumé, Alto Alegre do Pindaré, Trizidela do Vale, Pindaré-Mirim, São João do Paraíso, Viana, Itapecuru Mirim, Presidente Médici, Mata Roma, Arame, Paço do Lumiar, Pio XII, Sucupira do Norte, Aldeias Altas, Bom Jardim, Barreirinhas, Santo Antônio dos Lopes, Colinas, Benedito Leite e Jatobá.

Outro fator que chama atenção e levanta ainda mais suspeita é o valor do capital social de apenas R$ 400 mil. Ou seja, um capital incompatível com os contratos de quase R$ 10 milhões que possui. A empresa tem em seu quadro societário Ronildo Vieira da Silva.

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados

aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz