Caos na saúde pública do Maranhão: UPA do vinhais tem idosa em condição subumana com AVC sem medicação necessária

A idosa pede socorro precisamos que a justiça faça valer o direito.

Flávio Dino e Carlos Lula tem brincando com a saúde da população maranhense…

Uma idosa de 87 anos, sofreu um acidente vascular cerebral (AVC), está com lado esquerdo todo paralisado e o mais absurdo e essa idosa está sofrendo com o descaso da UPA do vinhais, onde o único medicamento existente em sua prescrição é ranitidina.

Ela se encontra na sala de medicação numa cadeira sentada sem a mínima condições e o seu quadro de saúde e complicado e ainda está exposta num ambiente onde o risco de 100% de pegar uma pneumonia e que seu leito e é considerado uma poltrona de medicação e local que está internada seria a sala de medicação da UPA, entao depois de varias tentativas sem sucesso e cansados de esperar pelo efetivo sistema de saúde do Maranhão temos que obrigar o estado a cumprir um direito essencial que é a saúde.

A UPA do vinhais, solicitou um exame que o estado não tem um em sua oferta da Saúde simples doppler venoso no membro inferior. Porém afirmaram que para procedimento de transferência este essas é fundamental, ora senhores sabemos que o que regula os pacientes e o sistema de regulação e que é diariamente atualizado vale ressaltar que está senhora de 87 anos está desde domingo (15), nessa situação, agora para dificultar colocam este exame como empecilho, sendo que o que regula o sistema é quadro clínico do paciente que é atualizado pelo médico.

Agora o pior que além de não ofertar o exame a UPA nega o direito da paciente em ir a uma clínica particular para resolutividade do seu caso. “Eles afirmaram que a clínica particular não faz parte da rede do estado”, certo mais seu local de origem é uma UPA responsabilidade de transferência e do estado e assegurar a resolução do caso.

A família tenta levar mais necessita de uma autorização para saída e retorno da paciente, porém negada pela UPA pois não quer se responsabiliza pela transferência. Qual desfecho necessário para essa história? Se fosse uma pessoa ligada à política em um minuto até o GTA teria feito essa remoção ou teria entrado no Hospital Carlos Maceira sem nem está no sistema de regulação. A idosa pede socorro precisamos que a justiça faça valer o direito à vida a saúde e o idoso. Agora o que nos deixa revoltado que nem a medicação tem na UPA imagina esse exames.

André Fufuca novamente mostra coragem e faz a diferença

Os parlamentares têm até esta sexta-feira (20) para votar a proposta.

O deputado federal André Fufuca (PP) criticou colegas da Bancada Federal que estão querendo descumprir o acordo firmado há dez dias com a Famem (Federação das Associações dos Municípios do Estado do Maranhão) que destina R$ 160 milhões de emendas impositivas que cabem aos parlamentares maranhenses na Câmara e Senado para reforçar investimentos na área da saúde em 2018.

Em evento do governo do Estado com prefeitos na manhã desta quinta-feita (19), Fufuca foi duro com os colegas, sobretudo os senadores Roberto Rocha, Edison Lobão e João Alberto, que manobram para desfazer o acordo com as Prefeituras e abocanhar 50% das emendas impositivas somente para eles. “Não é justo que hoje, autoridades constituídas no Maranhão, eleitas com o voto do povo maranhense, se recusem a assinar um recurso que vai para os nossos municípios. Isso não é legítimo”, detonou.

O parlamentar se dirigiu aos prefeitos e sugeriu que eles “cobrem das pessoas que vocês votaram, cobrem dos senadores do nosso estado que nos ajudem”. Fufuca criticou ainda o descumprimento da palavra por parte de alguns colegas de Bancada Federal e fez questão de frisar: “essa semana eu já deixada assinado aquilo que me comprometi. E vou cumprir a minha palavra. E espero que os outros também cumpram”.

Com o prazo para as emendas se encerrando amanhã, os senadores João Alberto, Edison Lobão e Roberto Rocha se recusam a assinar a proposta, que prevê o aumento do número de leitos de UTI e centro de hemodiálises em todo o estado. A bancada precisa de duas assinaturas dos três senadores. Como fazem oposição ao governador Flávio Dino, eles não querem cumprir o acordo assumido com a Famem, já que o recurso seria utilizado via governo do Estado.

Presidente de partido ameaça fiscal no interior do MA

Ele em tom ameaçador, mão dos métodos da barbárie e afirmou ao fiscal.

Em uma plenária realizado no município de Urbano Santos  (cidade a 268 quilômetros de São Luís), o presidente estadual do Partido Socialismo e Liberdade – PSOL, e ex presidente da Comissao de Direitos Humanos da OAB/MA, advogado Luís Antonio Pedrosa, ameaçou um fiscal de uma chapa contraria a sua, tentando cercear o livre direito de participação do filiado. Pedrosa, em tom ameaçador, age como um coronel e seu chicote nos velhos tempos da barbárie escravocrata, e afirma em alto e bom som: “vou te amarrar aqui. Te pego e te amarro”. O episódio é ainda mais chocante por tratar-se de alguém que se proclama defensor dos direitos humanos. As cenas são pesadas. Confira o vídeo abaixo:

 

Semapa entrega ração para peixes aos piscicultores da capital

A prefeitura tem investido em políticas públicas para a zona rural da capital.

Para dar continuidade à política de fortalecimento da piscicultura em São Luís, será realizada pela Prefeitura através da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), a entrega de 4 toneladas de ração para peixes, aos piscicultores da capital,  nessa sexta-feira (20), às 09h, no Bairro Coquilho II.

Em média 80 piscicultores assistidos pela  Semapa e pelo Agropolo da Ilha serão beneficiados com os insumos, que vão auxiliar na produção semestral com uma média de mil quilos de peixes em cada um dos quase 100 tanques, variando de acordo com a espécie. As principais espécies criadas na ilha são geralmente tilápia, tambaqui, tambacu, pirarucu, e tambatiua. As rações entregues são divididas em 3 etapas, inicial, crescimento e engorda, que acompanham as fases de desenvolvimento dos peixes criados em tanques na zona rural, para produção.

A Prefeitura de São Luís tem investido em políticas públicas para a zona rural da capital, só esse ano já beneficiou cerca de 2 mil famílias de agricultores com aproximadamente uma tonelada de sementes de milho e 13 toneladas de sementes diversas, além da entrega de tratores agrícolas, patrulhas rurais, 5 mil mudas de juçara precoce, kits de irrigação e caminhão refrigerador.

Concurso da PM: Wellington do Curso cobra descentralização das etapas e solicita ampliação de polos de aplicação das provas

Até o presente momento, a cidade de São Luís segue como sendo o único ponto de realização.

A indicação Nº 1.216/2017 foi o ponto de referência para o Wellington do Curso (PP). A referida proposição, de autoria do parlamentar, solicita que seja encaminhado expediente ao Governador Flávio Dino e à Secretaria de Estado de Gestão e Previdência a fim de que efetivem a descentralização das etapas do concurso da Polícia Militar, ampliando, assim, os polos de aplicação das diversas etapas. Até o presente momento, a cidade de São Luís segue como sendo o único ponto de realização do concurso, muito embora, as inscrições estejam temporariamente suspensas.

Ao defender a ampliação de polos, o deputado Wellington enfatizou o pedido de homens e mulheres que sonham em integrar os quadros da Polícia Militar do Maranhão.

“Apresentamos a indicação baseando-se nas diversas solicitações de candidatos que sonham em ingressar nos quadros da Polícia Militar do Maranhão, mas que serão prejudicados caso apenas São Luís seja ponto de aplicação de provas e demais etapas do concurso. O candidato terá que sair de sua cidade, fazer a prova, depois o teste físico, o curso de formação e, durante todo esse período, arcará com suas despesas com alimentação, estadia, passagens, entre outros. Há situações em que o candidato até desiste por não possuir condições financeiras. Sabendo disso, apresenta-se a presente indicação, solicitando que o Governador descentralize os pontos de realização das provas e demais equipes e, então, coloque outros municípios como pontos de realização das provas”, disse Wellington.

Criação de municípios será tema de audiência pública no povoado Coque, em Vitória do Mearim

A proposta que foi originada por meio de Projeto de Lei do Senado nº 199, de 2015.

Por iniciativa do deputado federal Hildo Rocha, será realizado amanhã no povoado Coque, município de Vitória do Mearim, Audiência Pública sobre Emancipação de Municípios. Além de Hildo Rocha, que é membro da Comissão Especial encarregada de elaborar parecer sobre o PLP 137/15, que dispõe sobre o procedimento para a criação, a incorporação, a fusão e o desmembramento de Municípios, também estarão presentes o Presidente da do colegiado, deputado Hélio Leite (DEM/PA) e do relator, deputado Carlos Henrique Gaguim (PODEMOS/TO).

O evento contará com a presença de parlamentares estaduais, prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, secretários municipais, membros da sociedade civil e representantes de Distritos que pleiteiam a e elevação ao status de municípios.

“Por meio dessa iniciativa, pretendemos contribuir para o aprofundamento dos debates acerca desse tema que diz respeito a praticamente todos os cidadãos e cidadãs do nosso estado e do Brasil”, destacou Hildo Rocha.

A proposta que foi originada por meio de Projeto de Lei do Senado nº 199, de 2015 diz que a criação, a incorporação, a fusão e o desmembramento de Municípios dependerão da realização de Estudos de Viabilidade Municipal (EVMs) e de consulta prévia, mediante plebiscito, às populações dos Municípios envolvidos e far-se-ão por lei estadual, obedecidos os prazos, os procedimentos e as condições estabelecidos nesta Lei Complementar.

Rocha disse o tema vem sendo debatido por meio de audiências públicas realizadas em diversos Estados. “Entendo que o Maranhão tem muito a contribuir com o debate. Assim, solicitei à Comissão a realização do Seminário no Povoado Coque, distrito de Vitória do Mearim que há muito tempo reivindica a sua autonomia política e administrativa. Será uma rara oportunidade de ouvirmos os argumentos das lideranças e coletaremos sugestões para a elaboração do parecer que irá embasar os debates no congresso nacional”, argumentou Hildo Rocha.

Luciano Genésio e Waldir Maranhão se reúnem com presidente da Câmara, Rodrigo Maia

Maia garantiu que irá se empenhar na busca dessas soluções.

Acompanhado do deputado federal e pré-candidato a senador Waldir Maranhão (Avante), o prefeito de Pinheiro Luciano Genésio (Avante) se reuniu na noite de ontem, em Brasília, com o presidente da Câmara Federal Rodrigo Maia (DEM). O convite para o encontro, um jantar, foi feito pelo próprio Maia.

Durante a o encontro, Luciano pediu o apoio do presidente da Câmara na busca de soluções para a crise econômica que hoje afeta todos os municípios maranhenses. Maia garantiu que irá se empenhar na busca dessas soluções, não só para os municípios maranhenses, mas para todos os municípios que passam por esse momento de crise.

O prefeito Luciano considerou o encontro uma grande oportunidade para discutir caminhos alternativos que possam resultar em soluções a médio e longo prazo para esta que já é considerada a maior crise econômica e política do nosso país.

“ Diante de tamanha crise que os municípios brasileiros atravessam, estamos aqui em Brasília, juntamente com o deputado e pré-candidato a senador Waldir Maranhão, para buscar o apoio e caminhos alternativos na busca de soluções”, disse Luciano Genésio.

Júnior Verde destaca avanços no assentamento das famílias da comunidade Nova Esperança

O encontro foi destaque no pronunciamento do parlamentar nesta quarta (18).

Representantes da Comunidade Nova Esperança, em Paço do Lumiar, foram levados nesta terça (17) pelo deputado estadual Júnior Verde à Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular (SEDIPOP), para uma reunião na qual foi discutido o Termo de Acordo que destina 7 hectares da área às famílias que lá residem. O encontro foi destaque no pronunciamento do parlamentar nesta quarta (18), na Tribuna da Assembleia Legislativa.

O Termo de Acordo foi firmado entre a Associação da Comunidade Nova Esperança, o Governo do Estado e a Fundação da Criança e do Adolescente – proprietária da área -, e encaminhado ao Judiciário, que deverá homologá-lo. Pelo Termo, 321 famílias serão beneficiadas com a garantia de um loteamento no local.

Júnior Verde começou a acompanhar a comunidade ainda no ano passado, por meio da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Assembleia. “Temos buscado intermediar o diálogo entre os moradores da comunidade e o Governo do Estado. Estamos aguardando a homologação por parte do judiciário, mas certamente o acordo que garante o loteamento representa uma grande conquista, um avanço para toda a comunidade”, observou o deputado.

O secretário de Estado da SEDIPOP, Francisco Gonçalves, recebeu a comissão e afirmou que em breve as famílias serão assentadas. “A Secretaria vai garantir a consolidação dos direitos dessas famílias”, assegurou o secretário.  

Em junho deste ano, o Júnior Verde conduziu audiência pública com representantes da comunidade, que corria o risco de ser retirada da área pelo Governo do Estado. Na época, O Estado buscava na justiça a reintegração de posse para a construção de um centro sócio educativo. Agora, vai garantir a moradia para centenas de famílias.

Os moradores que não foram cadastrados serão inseridos em programas de políticas públicas de habitação no âmbito do município, do Estado e do Governo Federal.

Jeferson Portela garante 4ª Companhia de Polícia para o bairro João de Deus

Essa reivindicação é antiga e já dura 5 anos.

Resultado de muitas lutas, labutas e perseverança, a vereadora Fátima Araújo (PCdoB) e as comunidades interessadas receberam na tarde de segunda-feira (17) a boa notícia de que a 4ª Companhia de Polícia vai voltar para o bairro João de Deus. A informação foi dada pelo próprio Secretário de Segurança Pública do Maranhão (SSPMA), delegado Jeferson Portela, que acompanhado de sua comitiva visitou o bairro onde será instalada a 14ª Companhia de Policiamento.

O secretário foi recebido pela vereadora do PCdoB que estava acompanhada de aproximadamente 50 lideranças da comunidade. Essa reivindicação é antiga e já dura 5 anos. Desde 2013 a parlamentar comunista protocolou um abaixo assinado com 12 mil assinaturas na Secretaria de Segurança do Estado, ainda na gestão do secretário Aluísio Mendes, que retirou a 4ª Companhia, nada foi planejado para ajudar a população que compõe 31 bairros da região.

Após a vereadora enviar indicação ao governador Flávio Dino e chegar até às mãos do secretário Jeferson Portela, a companhia será implantada e inaugurada até o final do ano, como confirmou o secretário. “Nós recebemos o pedido da população e vamos retornar com a 4ª Companhia para o João de Deus com o policiamento muito próximo do cidadão. Vou enviar um ofício para o secretário de Infraestrutura, Clayton Noleto para vir fazer uma visita técnica no prédio que já sediou a 4ª Companhia e a partir daí então será feita uma reforma para então instalar o policiamento. O estado vai fazer a sua parte” – disse Jeferson Portela, que lembrou que a 4ª Companhia é subordinada ao 9º Batalhão de Polícia Militar, mas passará para o comando do 6º Batalhão.

O coronel Aritanã vai ser responsável pelo comando da 4ª Companhia do João de Deus que ficou inativa por vários anos. “Estamos comandando a área do CIPAM 2, que engloba as unidades 6º batalhão, 13º e 22º. Estamos herdando do 9º batalhão, a área que funcionava a 4ª companhia, que agora vai passar a ser uma companhia do 6º batalhão, que possivelmente talvez seja a 2ª companhia do 6º batalhão. Dentro da estrutura que já temos, vamos implementar umas operações na área no intuito de garantir maior segurança aos moradores. Além disso vamos implementar uma parceria com a ronda escolar para as escolas. O ponta pé já foi dado, agora vamos ter viaturas, motocicletas que vão tirar de circulação os criminosos com o apoio da comunidade através do disque denúncia” – destacou o Coronel.

A vereadora Fátima Araújo que comprou a briga desde 2013 destacou a felicidade de receber essa notícia da volta da 4ª companhia. “Eu creio que para honra e glória de Deus até o final do ano vamos está com a 4ª companhia vai está funcionando no João de Deus. Quero agradecer primeiramente à Deus pela oportunidade de poder ajudar minhas comunidades, ao governador Flávio Dino por atender nossa solicitação e ao secretário Jeferson Portela por entender a importância da 4ª companhia em nossas comunidades, e a minha assessoria por me acompanhar em todas as lutas” – finalizou a Pequena Guerreira.

PLENÁRIO DA CÂMARA MUNICIPAL

Já na manhã dessa quarta-feira (18) Fátima Araújo subiu a tribuna da Câmara para agradecer ao governador Flávio Dino por atender seus pedidos, e secretários da gestão do comunista. Ela destacou a volta da 4ª companhia de polícia para o João de Deus e sua luta juntamente com a comunidade. No final de sua fala, o presidente da Câmara Astro de Ogum (PR) reconheceu o trabalho realizado pela vereadora que tem se destacado entre os parlamentares da capital. “É notório o reconhecimento do trabalho da vereadora Fátima em bairros onde ela faz política. Isso nos mostra a plena força que pode lhe dar uma vaga na Assembleia Legislativa e até como deputada federal” – finalizou Astro.

Toca Serra garante investimentos para a baixada maranhense

Além das obras de recuperação de uma ponte no trecho da MA-006.

Em audiência realizada, nesta quarta-feira (18), no Palácio dos Leões, o governador Flávio Dino garantiu a continuidade e a ampliação de investimentos em infraestrutura, saúde e esporte para os municípios de Pedro do Rosário e Matinha, na Baixada Maranhense.

As demandas foram apresentadas pelo deputado estadual Toca Serra, que ressaltou o compromisso do Governo do Estado com os pedidos da população. “Tivemos uma ótima reunião, daqui saímos com a garantia de realização das obras de recuperação da MA-006, a recuperação do estádio municipal de Pedro do Rosário e o apoio para realização da festa de aniversário da cidade”, frisou Toca Serra. “O governador também garantiu apoio para o hospital de Matinha e para unidades básicas de saúde dos municípios”, acrescentou o deputado.

Além das obras de recuperação de uma ponte no trecho da MA-006 que liga Pedro do Rosário a Maranhão Novo, e de um outro trecho que liga até Cocalinho, foram celebrados convênios para pavimentação asfáltica. “Estamos na Assembleia para representar o povo e agradeço ao governador por todo o apoio dado aos pedidos da população”, declarou o deputado.

Também participaram da reunião o chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares; o secretário de Comunicação Social e Assuntos Políticos, Márcio Jerry; o deputado estadual Rogério Cafeteira; e o ex-prefeito de Pedro do Rosário, Irlan Serra.