Um passado que condena

Denúncias contra Tema afetam candidatura da esposa

O prefeito de Tuntum, Cleomar Tema foi intimado, no mês de abril, a prestar depoimento em processo em que...

Prefeito tenta emplacar candidatura de mulher, mas denúncias contra ele dificultam (Foto: Reprodução)

O prefeito de Tuntum, Cleomar Tema foi intimado, no mês de abril, a prestar depoimento em processo em que é réu na 6ª Vara Federal por ato de improbidade administrativa numa ação movida pelo Ministério Público Federal que alega irregularidades na aplicação de recursos públicos repassados ao Município para uso no Sistema Único de Saúde – SUS. O juiz Nelson Loureiro dos Santos, relator do caso, também determinou ao prefeito a apresentação de testemunhas que pretendem que sejam ouvidas, com respectivas qualificações e endereços.

A reportagem do MaranhaodeVerade.com apurou que essa é apenas uma das várias ações que Tema responde na justiça federal por suspeita de corrupção. Ele que é presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão, foi preso em 2009 no bojo da Operação Rapina, da PF.

Tema é quase um ‘rei das ações’ na Justiça Federal do Maranhão

Na época, segundo a Polícia Federal, Tema era suspeito de integrar uma quadrilha especializada em fraudar licitações públicas e desviar recursos da União. No total, 104 pessoas foram presas durante a operação, sendo 86 no Maranhão e 18 no Piauí.

DOCUMENTO
Baixe aqui a decisão que intimou Tema a se manifestar sobre irregularidades no SUS

As acusações contra o prefeito são suficientes para enterrar a candidatura da esposa Daniela Jadão Meneses Cunha, que deve disputar uma das 42 vagas na Assembleia Legislativa.

Nos bastidores políticos, já é dado como certo que a avalanche de denúncias contra Tema coloca por terra as pretensões da mulher dele em disputar qualquer cargo nas eleições deste ano. Foram justamente essas denúncias que inviabilizaram o sonho do prefeito de ser candidato a vice-governador na chapa de Flávio Dino (PCdoB).

‘DELAÇÃO’ CONTRA EX
A discussão sobre a viabilidade ou não da candidatura de Daniela Cunha se intensificou essa semana com a informação de que ela cogitou em desistir por conta da rejeição em função das denúncias contra o marido.

Além disso, pesa ainda o medo que a família de Daniela tem de que ela venha ser usada apenas como laranja de Tema. Lembram, inclusive, o caso da ex-prefeita de Bom Jardim, Lidiane Leite que foi usada pelo ex-companheiro Beto Rocha.

Essa preocupação dos familiares da primeira-dama de Tuntum aumentou ainda mais com a divulgação de um vídeo da reportagem sobre a Operação Rapina na qual Tema nega as acusações e para se safar das denúncias, chegou ao ponto de delatar a própria ex-mulher atribuindo a ela parte dos recursos apreendidos em seu apartamento, conforme as imagens acima.

ESQUEMA REINCIDENTE
Levantamento realizado pela reportagem com base em extratos de contratos revelam que o prefeito de Tuntum não aprendeu a lição da Operação Rapina. Nove anos após ser preso por fraudar licitações públicas e desviar recursos da União, Tema pode ser alvo de uma nova investigação da PF. Na justiça federal, as ações por irregularidades se acumulam. Na maioria dos casos, as denúncias são oferecidas pelo Ministério Público Federal.

Leia outras notícias em MaranhaoDeVerdade.com. Siga, também, o Maranhão de Verdade no TwitterInstagram e curta nossa página no Facebook. Envie informações à Redação do Site por meio do WhatsApp pelo telefone (98)  992205852 ou através do e-mail: [email protected].

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados