Em São Luís, rodoviários ameaçam paralisação nesta quarta

Presidente e diretores do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão se reuniram nesta segunda-feira, 8, para verificar o repasse de pagamento de salários e outros benefícios dos trabalhadores pela empresas que atuam no transporte público de São Luís. Caso as empresas não regularizem o pagamento dos funcionários, o sindicato recomenda paralisação de ônibus na próxima quarta-feira, 10.

A reunião foi convocada após o sindicato identificar irregularidades praticadas pelas empresas como atraso no pagamento do salário e de benefícios como ticket de alimentação, plano de saúde  e, em alguns casos, o décimo terceiro salário ainda não foi pago.

Nesta segunda é o prazo final para as empresas realizem o pagamento à categoria. A entidade aguardará até o fim do dia, para saber quais empresas não cumpriram com a determinação. A partir daí, o Sindicato confirma que tomará as medidas cabíveis.

“Nesta terça-feira, 9, eu e os diretores da entidade, nos reuniremos para atualizar as informações, ou seja, saber quem pagou e quem não pagou. As empresas que não efetuarem o pagamento dos salários e de outros benefícios em atraso dos trabalhadores, essas terão os ônibus impedidos de rodar na quarta-feira, 10. Iremos recomendar aos trabalhadores que cruzem os braços e permaneçam nas garagens, até que todos os pagamentos devidos sejam efetuados”, anuncia Isaias Castelo Branco, Presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão.

“Quanto aos empresários que realizarem os pagamentos, estes não precisarão se preocupar, já que não haverá qualquer tipo de manifesto nas portas das garagens. Esta é uma medida drástica, mas necessária”, finaliza o presidente.