Bilhete Único registra mais de 780 mil integrações…

Em dois meses de implantação, a Prefeitura de São Luís já contabiliza mais de 780 mil integrações temporárias realizadas com o Bilhete Único. O dado foi divulgado nesta quarta-feira (24) pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT). Criado pelo prefeito Edivaldo, o programa tem como principais objetivos a economia de tempo, de dinheiro e a garantia de maior qualidade de vida para quem utiliza o transporte coletivo na capital. Por meio do Bilhete Único, o usuário pode realizar várias viagens no intervalo de 90 minutos e fazer a integração em qualquer parada de ônibus, sem precisar descer nos terminais. No primeiro mês, o número de integrações com o bilhete era de 300 mil utilizações. Segundo os dados atuais, entre 13 de dezembro e 23 de fevereiro, foram 785.101 mil integrações por meio do Bilhete Único.

16416_bilhete_unico_110116_fotobaeta8

Da média diária de 15 mil pessoas que usufruiram o serviço, aproximadamente 11 mil utilizaram vale transporte e quatro mil o cartão estudantil. O número de passageiros que aproveita o programa deve aumentar com o início do período letivo. “O benefício primeiro deste importante programa da Prefeitura é, sem dúvidas, a economia de dinheiro e tempo para o usuário”, aponta o secretário municipal de Trânsito e Transportes, Canindé Barros.

O titular da SMTT complementa que, com o Bilhete Único, milhares de passageiros não precisam mais descer nos terminais, podendo encurtar a viagem realizando integração em qualquer ponto de ônibus. O usuário tem até 1h30 para realizar a mudança de coletivo, desde que permaneça no mesmo sentido da viagem. Já se quiser trafegar no sentido diferente, ele poderá embarcar em qualquer ônibus no intervalo de 45 minutos, a partir do momento em que passar o cartão de transporte no sistema. O Bilhete Único é válido para linhas cujo valor da passagem é R$ 2,60. Com sua implantação cresceu também a procura pelos Cartões de Transporte, meio pelo qual é possível utilizar o serviço. 

APROVAÇÃO – Para a estoquista Helena de Freitas Costa, 32 anos, que reside no Cohatrac, o programa auxilia bastante quem depende do transporte público. “O Bilhete Único com certeza trouxe uma economia não só no tempo, mas no bolso também. Tenho usado bastante quando saio para resolver alguma coisa rápida na rua. É uma ajuda na diminuição dos gastos”, disse ela. A economia proporcionada pelo Bilhete Único também foi reconhecida pela usuária Maristela Andrade dos Santos, 25, moradora do Bom Jesus. “Eu utilizo todos os dias e já vi o benefício. Antes eu sempre tinha que descer no terminal para fazer integração e chegar ao trabalho. Hoje desço na parada e já pego outro. Tempo é dinheiro”, contou. O usuário que quiser obter o Cartão de Transporte basta ir ao Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros (SET) com documento de identidade e CPF e realizar recarga mínima de R$ 5,00. Em caso de procura por segunda via, são exigidos os mesmos documentos e é cobrada taxa de R$ 10,40. A sede do SET fica no Apicum e funciona das 8h às 17h.

BIOMETRIA FACIAL – Os investimentos realizados no transporte público da cidade com a implementação da Biometria Facial já apresentam resultados positivos para os usuários. O equipamento está implantado em toda frota operante e colobora para o combate a fraude no sistema de transporte público. O Bilhete Único e a Recarga Embarcada são duas das ações da gestão do prefeito Edivaldo que foram viabilizadas pela Biometria Facial. A ferramenta é um equipamento que reconhece a fisionomia do usuário já cadastrado no sistema de bilhetagem eletrônica do transporte público, impedindo que pessoas utilizem indevidamente o cartão de outros passageiros. Desde a implantação do sistema, 27.719 cartões foram bloqueados por uso indevido, garantindo que os benefícios da meia passagem e do passe livre sejam utilizados apenas por quem necessita.

Deixe uma resposta