São Luis: Homem é executado a tiros no bairro do Renascença

 (Reprodução da Internet)Durante as primeiras horas da tarde desta terça-feira (11), um homem de aparentemente 40 anos foi assassinado com cinco tiros no bairro do Renascença, próximo a Igreja São Paulo. A informação acaba de ser confirmada pelo Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), porém os dados sobre a vítima ainda não foram oficialmente divulgados. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado, o homem assassinado não portava nenhum tipo de documento e o caso foi encaminhado para a Delegacia de Homicídios.

Segundo testemunhas que estavam no local no momento do crime, dois homens que estavam em um Celta de cor preta desceram do carro e atiraram na vitima. O homem que foi executado estaria indo tirar o seu automóvel que se encontrava estacionado nas proximidades quando foi abordado pelos suspeitos. Suspeitas indicam que o assassinato foi derivado de um acerto de contas. (O Imparcial)

Flávio Dino anuncia professora Ester Marques pra Secretaria de Cultura

 O governador eleito Flávio Dino segue com a composição de sua equipe de trabalho. A professora Ester Marques foi anunciada na manhã desta terça-feira (11) para assumir a Secretaria de Cultura a partir de 1º de janeiro. Este é o 21º anúncio de Flávio Dino através das redes sociais. 

 Ester Marques assumirá a Secretaria de Cultura com o objetivo de implementar compromissos assumidos pelo Programa de Governo apresentado por Flávio Dino, como a expansão de estruturas adequadas para atividades culturais em municípios maranhenses e também do Programa Pontos de Cultura, do Governo Federal, democratizando o apoio financeiro e técnico aos grupos culturais.

Conheça o perfil da nova secretária:

Ester Marques – Secretaria de Cultura

Ester Marques é professora do Departamento de Comunicação da UFMA, formada em Comunicação, com mestrado em Comunicação e Cultura pela UNB e está concluindo o doutorado em Ciências da Comunicação. É do Conselho Estadual de Cultura, da Comissão de Análise de Projetos da Lei de Incentivo da Cultura. Coordenou como analista técnica o Plano Estadual de Cultura. É também produtora cultural e membro da Comissão Maranhense de Folclore. Foi diretora geral do Sesc no Maranhão. Desde 2012, é assessora de Comunicação da UFMA.

Elisângela Cardoso será presidente da Funac no governo Flávio Dino

 Elisângela Cardoso foi anunciada na manhã desta terça-feira (11), pelo governador eleito Flávio Dino, como próxima presidente da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac). Esse é o 20º anúncio de composição de equipe através das redes sociais.

Com militância nos movimentos sociais ligados à defesa dos direitos da criança e do adolescente há mais de 20 anos, Elisângela Cardoso fará parte da equipe da próxima administração.

Conheça o perfil da nova presidente:

ELISÂNGELA CARDOSO – Fundação da Criança e do Adolescente (Funac)

Elisângela Cardoso é formada em Pedagogia e pós-graduanda em Educação Integral pela UFMA. Com militância nos movimentos sociais ligados à defesa dos direitos da criança e do adolescente há mais de 20 anos, Elisângela foi presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de São Luís por duas gestões consecutivas, e do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente. Atualmente, é superintendente de Proteção Social Especial – Alta Complexidade na Secretaria Municipal da Criança e da Assistência Social de São Luís (Semcas) e integra a coordenação do Centro de Promoção da Vida de Crianças e Adolescentes da Área Itaqui-Bacanga – CEPROVI/Pastoral do Menor. Presidiu a Funac na gestão de Jackson Lago. Elisângela também atuou na articulação da implantação da Rede Amiga da Criança de São Luís, e na implantação da Rede Maranhense de Justiça Juvenil – esta última com foco no atendimento socioeducativo e na justiça restaurativa.

João Castelo: “Não resta outro caminho além da oposição”

JOAO CASTELO
Deputado João Castelo

O deputado federal eleito João Castelo (PSDB-MA) engrossou a tese do senador tucano Aloysio Nunes (SP) de que o partido deve seguir firme na oposição ao governo federal pelos próximos quatro anos e que o momento agora não é de diálogo. Além disso, Castelo afirmou que irá sugerir uma campanha de ações no nordeste para o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves. Castelo foi eleito para o mandato em outubro deste ano e mostrou força na capital maranhense obtendo o segundo lugar na preferência do eleitorado em São Luís.

Oposição

Sobre a possibilidade de diálogo entre PSDB e PT, algo sugerido pela presidente Dilma Rousseff logo após as eleições, o tucano foi taxativo. “Respeito a presidente e aceito o resultado das urnas. Contudo, não resta outra opção além do embate. Feito de forma democrática e responsável, com a chancela de 51 milhões de brasileiros que disseram não ao modelo que está aí”.

Para o deputado, além das discordâncias programáticas, algo mais impede o diálogo entre oposição e governo. “O Aécio Neves, bem como o Eduardo Campos, a Marina Silva e centenas de outras pessoas, foram vítimas de uma campanha sórdida. Não podemos simplesmente fazer de conta que isso não aconteceu. E eu acho que isso também deve pesar na forma de agir do PSDB daqui para a frente”, frisou.

João Castelo também se mostrou preparado para o que está por vir na Câmara Federal. “Olha, pelas últimas notícias é bem provável que os debates sobre reforma política sejam acalorados nessa próxima legislatura. Tenho observado isso com calma e algum receio. Querem (governo federal) fazer uma reforma por meio de plebiscito, um tema complexo. Uma reforma política não é simples como a questão do desarmamento em que você simplesmente vota sim ou não. A coisa é muito mais complicada e cheia de pormenores”.

Resultados e Brasil dividido

João Castelo também falou sobre os resultados das eleições e os debates posteriores “Costumo dizer que abaixo de Deus só existe o povo. E se o povo decidiu, temos que aceitar. Agora, o que não pode é tentar culpar região X ou Y pelo resultado. A presidente foi votada em todas as regiões e o Aécio também foi votado em todas as regiões”.

Indagado sobre isso, o deputado foi categórico. “O PSDB precisa urgentemente acabar com essa história de que o PT é hegemônico na região nordeste e nada pode ser feito. Aí vem o resultado das eleições e alguns de nossos correligionários querem reclamar. Lamentar votação baixa em região que não foi cortejada politicamente? Isso não pode. O PSDB deve rever suas estratégias em relação ao nordeste. Mostrar sua história e suas propostas para a região. Fazer o povo nordestino, honesto e acolhedor, que o partido pode intervir positivamente no crescimento da região muito mais do que os atuais donos do poder. O PT completou 12 anos no poder e o que mudou no nordeste? E isso tem que ser feito de maneira constante, não apenas em véspera de eleição”, concluiu.

É hoje! Caxias na tela da Band

Oscar Filho e Léo Coutinho

No CQC desta segunda-feira, dia 10, Oscar Filho irá com o “Proteste Já” até Caxias conferir uma realidade terrível de falta de cuidados médicos, que resultou na morte de muitos bebês.

Diferente dos casos onde eles atendem denúncias, essa história começou com uma matéria transmitida em um dos programas jornalísticos da Band, que chamou a atenção e a equipe do programa resolveu investigar.

“Chegamos nela [na matéria] através de uma reportagem que a produção viu no ‘Jornal da Noite’ realizada pela Band local”, explica.

A equipe se interessou na hora e contou com um apoio extra. “Depois, a produção procurou o repórter que fez a matéria lá em Caxias, o Ricardo Rodrigues, pedindo ajuda. Ele prontamente se colocou à disposição pra nos ajudar”.

Como sempre, Oscar teve que enfrentar alguns obstáculos durante a gravação. “Os servidores públicos que trabalham com o prefeito acharam que nós estávamos ‘depredando’ o lugar e chamaram a polícia”, relembra.

No entanto, eles acabaram ajudando quando viram que o repórter não queria causar nenhum dano. “Assim que a polícia chegou, ela própria viu que não era nada disso e intermediou nossa entrada”, conta.

Para conferir a resolução dessa história, não perca o próximo “Proteste Já”, que mostrará o problema e relatos emocionantes de quem perdeu seus bebês na cidade de Caxias.

Nessa segunda-feira, dia 10, às 22h30, na tela da Band. 

Veja os três suspeitos que foram presos pelo assassinato do médico Luis Alfredo

As imagens abaixo são dos três suspeitos que foram presos pelo assassinato do médico cirurgião e diretor do Hospital de Câncer (antigo Hospital Geral), Luís Alfredo Neto Júnior – vítima de assalto em sua própria residência, na manhã de hoje (9).

O Serviço de Inteligência do Comando Geral da PM prendeu os acusados Nixon Richardson, Wanderson Machado e Luan Machado, após denúncias que estariam na Aldeia Barreto. Eles estavam em uma TR4 de cor prata, que foi encaminhada para o Instituto Médico Legal (IML).

Nixon

Aldeia Jordoa

De menor

Caxias: Vereadora Ana Lucia Ximenes paga mais de 25 mil reais a assessorias especiais

O Blog Maranhão de Verdade recebeu uma grave denúncia contra a então Presidente da Câmara Municipal de Caxias Ana Lúcia Ximenes.

Confira,  abaixo a documentação: