Hildo Rocha cobra agilidade nas obras do PAC

Com o objetivo de ouvir o Ministro das Cidades, Gilberto Kassab, acerca das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados promoveu audiência pública, nesta terça-feira (31). O deputado Hildo Rocha questionou se o governo federal teria condições de atingir a meta de 6 milhões de moradias até 2018. “”Fiz as minhas contas e os números apresentados por Vossa Excelência não fecham””, disse o
parlamentar.   

O deputado pediu agilidade na regularização de repasses do Minha Casa, Minha Vida, lembrou que os municípios com menos de 50 mil habitantes não foram bem contemplados nas fases 1 e 2 do Programa Minha Casa Minha Vida e defendeu que esses municípios sejam priorizados na terceira fase e cobrou a implantação imediata do programa pró-transporte. “O governo do Maranhão, assim como várias prefeituras, fizeram os projetos executivos para acessar os recursos do pró-transporte e até agora nada foi contratado.” 

Em resposta aos questionamentos formulados pelo Deputado Hildo Rocha, o Ministro reconheceu que ainda há uma grande demanda na área de habitação, mas demonstrou otimismo quanto à continuidade do programa e garantiu que a meta será atingida. “O programa Minha Casa, Minha Vida, permanece como prioridade do governo federal e não será afetado pelas recentes medidas de ajuste fiscal”, afirmou. “A cada nova etapa, o programa vem sendo aperfeiçoado. Nos próximos dias será lançada a terceira fase do Minha Casa, Minha Vida, com previsão de contratação de três milhões de novas moradias em todo País”, esclareceu Kassab. 

Kassab afirmou que o ministério das cidades está em entendimento com os ministérios do planejamento e da fazenda para ajustar o programa que tem como fonte de financiamento o FGTS.

Deixe uma resposta