Coren-MA e Sindicatos de Técnicos constatam subdimensionamento em HCM; SES garante regularizar em até 20 dias

O presidente do Conselho Regional de Enfermagem do Maranhão, Patrick Gomes, fiscalizou, na noite dessa segunda-feira (09), as dependências...

O presidente do Conselho Regional de Enfermagem do Maranhão, Patrick Gomes, fiscalizou, na noite dessa segunda-feira (09), as dependências do Hospital Dr. Carlos Macieira, gerenciado pelo Instituto Gerir, em São Luís. A inspeção contou a parceria do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem e Trabalhadores em Estabelecimentos de Saúde do Estado do Maranhão (Sindsaúde-MA) e o Sindicato dos Técnicos e Auxiliares de Enfermagem do Estado do Maranhão (SINTAEMA).

Durante a visita, a equipe percorreu quatro Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Segundo o presidente Patrick Gomes, um subdimensionamento de profissionais, entre enfermeiros e técnicos de enfermagem, foi verificado no período noturno, que está sendo descumprido pelo Instituto Gerir. “Uma situação gravíssima, que coloca em risco a saúde da categoria e dos próprios pacientes. No local só tinha 1 técnico para atender 4 pacientes, que de acordo com a lei, 54% dos profissionais tem que ser enfermeiros”, destaca.

Na manhã desta terça-feira (10), a superintendente de assistência à saúde da SES, Jamilly Matos Pontes, afirmou para a diretoria do Coren-MA, que o Governo do Estado deve resolver o problema no prazo de até 20 dias. Ainda na fiscalização foi constatado o cumprimento da Portaria n.º 130, afirmado entre o Coren-MA e a Secretaria de Estado de Saúde, que trata da ampliação de três para cinco trocas de plantões dos enfermeiros que prestam serviço na rede estadual, bem como o prazo de 72 horas para aviso prévio da ação

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados