Júnior Verde participa do protocolo do PL que regulamenta o transporte alternativo no país

Cumprindo agenda em Brasília desde a última terça-feira (28), o deputado estadual Júnior Verde (PRB) participou na Câmara dos Deputados da assinatura do protocolo do Projeto de Lei 9223/2017 de autoria do deputado federal Zé Carlos (PT/M), que estabelece mudanças na regulamentação do transporte alternativo no país.

O PL visa incluir a modalidade “Transporte Alternativo Semiurbano de Passageiros” na Lei 12.587, de 3 de janeiro de 2012, conhecida como a Lei da Modalidade Urbana, uma vez que a referida modalidade é, muito provavelmente, a única das modalidades de transporte de passageiros que não se encontra devidamente conceituada na mencionada Lei.

A população da maioria dos estados brasileiros já se utiliza dessa modalidade de transporte que, encontrando-se na maioria das vezes organizada sob a forma de cooperativas, emprega milhares de pessoas entre motoristas e cobradores, complementa o chamado “serviço de transporte regular de passageiros”, contribuindo, assim, para a evolução do Sistema Coletivo no nosso país.

“O seguimento do transporte alternativo, além de ajudar na mobilidade urbana é importante para a economia maranhense e brasileira. A  aprovação projeto do deputado Zé Carlos vai regulamentar, definitivamente, este sistema de transporte como complementar, definindo-o de forma urbana, semi-urbana e intermunicipal. Um avanço para a categoria em todos os Estados,”* afirmou o deputado Júnior Verde, que tem buscado melhorias e conseguido diversos avanços para a categoria no Maranhão, desde o primeiro ano de mandato.

“O PL que protocolamos traz benefícios como uma maior rapidez de locomoção, passagens mais baratas maior circulação durante à noite e madrugada, além de seguirem para destinos onde a oferta de transporte público é ineficiente”, argumentou Zé Carlos.

Na oportunidade, Júnior Verde solicitou do deputado Zé Carlos atuação no sentido de conseguir a diminuição do IPI (Imposto de Produtos Industrializados) para os veículos que compõe o sistema de transporte alternativo. “Ou complementar, possibilitando assim a renovação da frota e levando conforto e segurança aos usuários”, concluiu Júnior Verde.

Participaram também do protocolo o deputado federal Waldir Maranhão (AVANTE/MA) e Neyfe Abrahão, representando os operadores do transporte alternativo do Maranhão.

Hildo Rocha diz que mudança no estatuto da advocacia visa intimidar o judiciário e travar a Lava Jato

O deputado federal Hildo Rocha vê com desconfiança a rapidez com que tramita o PL 8347/2017. Além de estranhar o surpreendente avanço na tramitação da proposta Rocha questionou o conteúdo do projeto. De acordo com o parlamentar, caso seja aprovado o PL trará enormes prejuízos para a sociedade. “Vejo que há interesses corporativistas por parte da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A primeira finalidade da proposta é fortalecer o caixa da instituição; a segunda, mais nefasta, é intimidar o Poder Judiciário e o Ministério Público e, por tabela, travar a Lava Jato”, enfatizou Hildo Rocha.

Fortalecimento de caixa da OAB

A proposta estabelece que o advogado que exercer a atividade, até mesmo com suspensão por inadimplência, por não estar em dia com o pagamento de taxas cobradas pela OAB poderá ser punido com dois anos de cadeia. O texto prevê ainda que advogados poderão mover ações contra juízes. “Pelo que está escrito, basta o juiz olhar para o advogado com a cara feia já estará passível de ser representado nos tribunais, por desrespeito. Isso trará mais problemas do que soluções” destacou o parlamentar.

Audiências Públicas

Hildo Rocha defendeu a realização de audiências públicas como forma de aprimorar os debates. “Esse projeto tem de ser debatido em audiências públicas. Precisamos saber o que pensa o Judiciário, o que pensam os promotores de justiça, o que pensam os delegados de policia. Precisamos ouvir a opinião do povo brasileiro, saber o que outras categorias pensam a respeito desse tema. Não se pode votar uma matéria dessa a toque de caixa. Se passar na forma como está significa dar sublime prerrogativa aos advogados” argumentou.

Para justificar o voto contra a aprovação do PL 8347/2017, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), Rocha citou o artigo quinto da Constituição Federal. “Aprovar um projeto desse é rasgar a Constituição Federal que no seu artigo quinto é bastante clara: todos são iguais perante a lei. Não pode a profissão de advogado ser mais importante que as demais. Portanto, essa proposta não pode prosperar”, afiançou Hildo Rocha.

Sá Marques parabeniza Senarc pelas ações no combate ao narcotráfico e reafirma total apoio a Polícia Civil

 O Vereador de São Luís, Sá Marques (PHS), que também é Policial Civil, parabenizou nesta semana a Superintendência de Combate a Narcóticos (Senarc), pelo importante trabalho que vem desenvolvendo no combate ao tráfico de drogas.

“Sou policial civil a mais de vinte anos e sei o quanto é difícil exercer está profissão, mais também sei, o quanto é gratificante. Não há dinheiro que pague a satisfação pessoal em poder defender a sociedade e atuar em prol da segurança, setor que carece de tanto investimento e reconhecimento em todo o país. Estou licenciado por conta da atividade parlamentar, mas sempre que posso estou em contato com os meus queridos amigos da polícia. Na Câmara tenho lutado diariamente por melhores salários e condições de trabalho a instituição Polícia Civil. Estes bravos guerreiros, que todos os dias lutam por uma sociedade mais justa e trabalham firme para resolução de crimes a partir do trabalho investigativo. A Polícia Civil tem um trabalho de fundamental importância para a sociedade. Quanto a Senarc, desde que a Superintendência foi criada o combate ao tráfico de entorpecentes evoluiu e os resultados têm sido altamente positivos, com a apreensão de armas e drogas e prisões de traficantes”, destacou Sá Marques.

Só neste ano de 2017, a Senarc já apreendeu mais de sete toneladas de drogas, entre crack, maconha, cocaína e pasta base. Quase 60 armas de fogo foram apreendidas, e consequentemente, tiradas de circulação e das mãos da bandidagem, além claro, de várias pessoas presas em operações na capital São Luís e nos mais diversos municípios do interior do Maranhão.

Como era de se esperar a desorganização marca fim de ano na OAB

Como era de se esperar a Ordem dos Advogado do Brasil Seccional do Maranhão está vivendo profunda  uma enorme desorganização iremos relatar a questão do torneio de verão a data estava marcada para acontecer agora dia 9 de dezembro foi cancelado, em virtude, não teve quórum? Mas o que os advogados procuram e se divertir e reunir a classe, já que a atual gestão não é capaz de manter a união de uma classe.

Isso apenas retrata como é tratado os advogados do nosso Estado que não tem tido o apoio necessário da sua casa que é a OAB, o que podemos falar da CAAMA que vive o mesmo dilema que é  a desarmonia com a ordem, isso tem gerado a classe que é notório até para sociedade civil, diversos problemas principalmente na área da saúde e dos esportes as denúncias que permeia a OAB que há favorecimentos de empresas e de pessoas e não há nem prestação de contas, isso a classe ficou sem saber durante o ano de 2017.

Neste caso a vergonha é tão grande que os advogados o nosso estado do Maranhão não enviará nenhum representante para o campeonato nacional de jogos de verão no estado do Espírito Santos isso por falta de dinheiro  e por falta de apoio, mas segundo fontes seguras  o presidente da OAB, Thiago Diaz, ele favoreceu no seu mandato frente a OAB que foi feito  uma denúncia que certa  empresa de comunicação faturou valores altíssimo e isso representou o estopim para saída do vice presidente Pedro de Alencar que afirmar que há muita coisa de podre dentro da seccional.

A atual gestão tenta esconder a sete chaves os seus gastos pois o portal da transparência não respeita a lei o que causa uma celeuma enorme nas contas dos advogados. O ano de 2017 está acabando e logo começará o ano de 2018  os advogados dizem  que  esse ano dever ser esquecido já que o atual presidente não fez nada para defender os advogados.

Flávio Dino e Ciro Gomes confirmam apoio à pré-candidatura de Weverton ao Senado pelo PDT

Com a presença do presidente nacional do partido, Carlos Lupi, do presidenciável Ciro Gomes, do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), do prefeito Edivaldo Holanda Júnior e do governador Flávio Dino (PCdoB), o PDT realizou neste sábado sua Convenção, na qual reconduziu os atuais Diretórios Estadual e Municipal e confirmou o projeto lançar o deputado federal Weverton como candidato ao Senado no próximo ano. Flávio Dino, que na sexta já havia anunciado o nome de Weverton como o primeiro pré-candidato a senador de sua chapa majoritária, reafirmou que os dois estarão juntos em 2018: “ Weverton tem o nosso apoio integral nessa caminhada.”

“Agradeço a Flávio pela confiança de ser o primeiro pré-candidato a senador anunciado”, retribuiu Weverton, que disse estar sendo guiado por um sentimento de gratidão e responsabilidade com o povo do Maranhão. O deputado agradeceu também o PDT por ter lhe permitido crescer politicamente defendendo seus ideais.

Mudanças no Maranhão

A Convenção foi um espaço para reafirmação do compromisso com um projeto de mudanças para o Maranhão e para o Brasil. Weverton enumerou avanços que estão acontecendo no estado, que segundo ele é um centro de resistência, onde ainda se consegue ter um olhar para os “invisíveis”, com políticas públicas que estão levando avanços e reduzindo a pobreza. Ele afirmou que junto com toda a militância estará empenhado na reeleição do governador Flávio Dino e na eleição de Ciro Gomes a presidente. “Enquanto houver sangue e suor na militância do PDT, vamos lutar pela sua recondução ao governo”, garantiu a Flávio Dino. “Ciro, vá o rodar o Brasil, que aqui no Maranhão você tem um soldado para lutar pelo seu nome”, disse o deputado.

Ciro Gomes criticou o governo do presidente Michel Temer e disse que essa política, que sacrifica principalmente os mais pobres, durante muito tempo penalizou o Maranhão, que hoje vive novos tempos. Ele exortou os presentes a lutarem para não aceitar o retrocesso e dar continuidade ao trabalho que vem sendo realizado. Carlos Lupi disse que “a política é o único instrumento de transformação da sociedade” e que o PDT desde o tempo de Jackson Lago vem lutando por essas mudanças no Maranhão.

Flávio Dino, que elogiou a capacidade de gestão de Ciro Gomes, citou o exemplo do Ceará, que investiu na educação. “Quando assumi, o Maranhão tinha zero escolas de tempo integral, enquanto o Ceará já tinha 150. Estamos correndo atrás do prejuízo e hoje temos 18. Em fevereiro teremos 40”. Ele fez uma analogia com um time de futebol, disse que o Maranhão hoje é um time que está ganhando e não se deve voltar atrás para não pegar “gol da pobreza e do atraso” e convocou a todos para lutarem juntos a fim de corrigir um problema que é não ter uma representação no Senado que esteja alinhada com esse novo momento do Maranhão.

Apoios partidários

A presença de representantes de diversos partidos foi um dos itens mais mencionados nos discursos. “Poucos conseguem reunir tantos nomes lado a lado”, comentou o deputado federal pelo PCdoB de São Paulo, Orlando Silva, que esteve em São Luís para participar do evento e defendeu o nome de Weverton para o Senado. “Vai ser a eleição de um guerreiro, de um combatente”, afirmou.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, do DEM, destacou o trabalho do deputado Weverton como líder da bancada pedetista e afirmou que “ele faz a diferença na Câmara e se for eleito fará a diferença no Senado”.

O presidente estadual do PSB, Luciano Leitoa, que participou de todos os encontros regionais em apoio à pré-candidatura do Weverton disse que não se trata de um projeto só do deputado, “mas de todos que acreditam que a política pode ser diferente”.

Além de Luciano Leitoa, também declararam apoio ao projeto os presidentes estaduais do PRB, deputado Cléber Verde; do PROS, Gastão Vieira; do DEM, deputado Juscelino Filho; do PCdoB, Márcio Jerry; do PTC, Edivaldo Holanda; e os representantes do PEN, deputado Júnior Marreca, do PP, prefeito Juran, e do PT vereador Honorato Fernandes. O deputado Pedro Fernandes, que preside o PTB não estava presente, mas já anunciou que o partido estará com o PDT no projeto para o Senado.

Waldir Maranhão vai disputar Senado pelo PTB

Quando o deputado Waldir Maranhão desobedeceu a orientação de seu partido, o PP, para votar pelo impeachment da então presidente Dilma Rouseff, ficou decido que ele deveria buscar outro partido.  Desde então muito se especulou para qual partido o deputado iria.

O mais contado na época era o PTB do também deputado federal Pedro Fernandes. também foram ventilados o PCdoB do governador Flávio Dino, o PT do presidente Lula e por ultimo o Avante de seu aliado o prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio.

Waldir acabou com o impasse e decidiu mesmo pelo PTB, por onde irá disputar uma vaga ao Senado. A informação foi dada pelo colega, deputado federal  Campos Machado, em sua conta na rede social.

Ambos acertaram suas filiações neste sábado 02 de dezembro.

Lupi diz que PDT do Maranhão é modelo para o Brasil

“Aqui no Maranhão, nós temos uma espécie de PDT modelo para o Brasil desde a época de Jackson Lago, que junto com Neiva Moreira – duas figuras históricas – foi o fundador do trabalhismo aqui no estado”, afirmo o presidente nacional do PDT e ex-ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi. Ele está em São Luís para a Convenção do PDT, que acontece neste sábado, a partir das 9h, na Batuque Brasil.

Lupi elogiou o trabalho do presidente estadual do partido, deputado Weverton e falou dos planos do partido de fazer parte da chapa majoritária apoiando o governador Flávio Dino. “Meu companheiro Weverton, líder da bancada na Câmara Federal, em minha opinião, é o melhor deputado em Brasília, um homem dedicado à causa popular e o meu desejo é vê-lo Senador da República pelo Estado do Maranhão”.

CONVENÇÃO

No sábado o PDT elegerá os membros das Executivas Estadual e de São Luís. Segundo Carlos Lupi, no evento o partido reafirmará à disposição de ter Weverton como pré-candidato ao Senador e Ciro Gomes pré-candidato a presidente.

PRESENÇAS CONFIRMADAS

Parlamentares da bancada federal do PDT já estão em São Luís para participar da Convenção e Ciro Gomes chega no início da manhã de sábado.

Também já confirmaram presença os presidentes estaduais do PSB, PCdoB, DEM, PRB, PP, PEN, PTC, PTB e PT, além de deputados federais e estaduais, prefeitos e vereadores.

Weverton realiza visita a Vitorino Freire e Olho D’Água das Cunhãs

Na tarde desta quinta-feira (30), o deputado Weverton esteve na cidade de Vitorino Freire onde na companhia da prefeita Luanna Bringel e dos deputados Juscelino Filho e Stênio Rezende acompanhou o andamento de obras como a estrada da Lagoinha que breve receberá requalificação asfáltica e também o prédio onde vão funcionar as instalações do Viva Cidadão, que vai facilitar o dia a dia da população com mais acesso a serviços públicos como emissão de documentos. Já na cidade de Olho D’Água das Cunhãs, Weverton participou das comemorações pelo 56º aniversário da cidade e prestigiou a final do Campeonato Municipal de Futebol, acompanhado do prefeito Rodrigo Oliveira.

Assembleia do MA concede a medalha Manoel Beckman ao prefeito de São Paulo

Assembleia concede a medalha Manoel Beckman ao prefeito de São Paulo

Os deputados Wellington do Curso (PP), autor da proposição, e Rigo Teles (PV) entregaram a medalha Manoel Beckman ao prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB), na tarde desta quinta-feira (30), na sala de eventos do Hotel Pestana, em São Luís. A medalha Manoel Beckman é a maior comenda conferida pelo Poder Legislativo do Estado do Maranhão.

João Dória veio a São Luís para cumprir uma agenda com a classe empresarial da cidade. A iniciativa partiu de entidades da classe empresarial como, por exemplo, a Associação Comercial do Maranhão (ACM), Associação dos Jovens Empresários do Maranhão (AJE-MA), Associação das Mulheres Empreendedoras do Maranhão (MEM) e Câmara dos Dirigentes Lojistas de São Luís (CDL).

Antes de receber a honraria, João Dória deu uma palestra para estudantes da Universidade Dom Bosco (UNDB), na qual apresentou o decálogo a ser seguido para uma pessoa se tornar um empreendedor vitorioso. Segundo ele, são os seguintes os dez passos: 1 – Acreditar no projeto; 2 – Trabalharem equipe; 3 – Ter foco; 4 – Ter disciplina; 5 – Negociar solução; 6 – Manter o equilíbrio; 7 – Assumir Risco; 8 – Ser perseverante; 9 – Ter paixão; 10 – Ter humildade.

RECONHECIMENTO A DE JOÃO DÓRIA COMO GESTOR DE SUCESSO

“Em nome do presidente da Assembleia, Humberto Coutinho (PDT), concedemos a maior comenda do Legislativo Estadual ao prefeito de São Paulo, João Dória, em reconhecimento à personalidade política e autoridade que representa e, ainda, a contribuição que dar ao desenvolvimento econômico e social do Brasil. Fazemos uma justa homenagem”, afirmou o deputado Wellington no discurso de saudação ao agraciado.

Wellington acentuou que vivemos uma grave crise econômica, política e principalmente ética, mas que não se pode criminalizar a política e os políticos. “Na política também há lugar para homens de bem, que devem ocupá-la. Tudo passa e perpassa pela política. O que precisamos mesmo é discutir a política. Qual o Brasil que queremos? Qual o Maranhão que queremos?”, argumentou.

“É uma honra para nós, parlamentares estaduais maranhenses, homenagearmos o prefeito empreendedor de São Paulo, João Dória, por tudo o que ele tem representado em termos de gestão pública eficiente, no Brasil. Manoel Beckman representa para nós, maranhenses, o que Tiradentes representa para o Brasil. O prefeito João Dória faz por merecer essa honraria”, declarou Rigo Teles.

AGRADECIMENTOS DE JOÃO DÓRIA

O prefeito de São Paulo agradeceu o gesto e a atitude da Assembleia em lhe conceder a medalha Manoel Beckman, assim como a generosidade de fazer a entrega dentro da programação acadêmica da Universidade Dom Bosco (UNDB).

João Dória parabenizou o deputado Wellington do Curso por fazer a defesa da atividade política. “A defesa da prática honesta da política deve ser ressaltada, sim. Realmente, há maus e bons políticos, assim como há bons e maus professores, bons e maus jornalistas. Há bons e maus em toda parte. Mas não é justo, não é correto a generalização, dentro do mundo da política, pela a existência de maus políticos, imaginar que todos são. Não é verdade. Há sim pessoas dignas e honestas no mundo da política”, declarou.

“Quando pude fazer para ajudar São Luís, que é uma cidade Patrimônio Cultural da Humanidade, fiz com denodo e muito orgulho, há época em que presidi a Empresa Brasileira de Turismo (EMBRATUR). Tenho um carinho muito grande pelo Maranhão. Saio daqui enaltecido pelo carinho que recebi do povo do Maranhão. Muito obrigado a todos”, declarou João Dória ao se despedir.

Hildo Rocha se reúne com novo ministro das cidades para atualizar demandas do Maranhão

O deputado federal Hildo Rocha foi recebido em audiência pelo novo ministro das cidades, Alexandre Baldy. “Discutimos sobre projetos e demandas do Maranhão, que tramitam no ministério, e tratamos sobre liberação de recursos para construção de casas no âmbito dos programas de Arrendamento Residencial (PAR) e de Habitação Rural (PNHR)”, explicou o deputado.

Recomposição do orçamento

Sobre o corte de R$ 3 bilhões no orçamento deste ano Rocha, que atuou como relator setorial para Desenvolvimento Urbano da Comissão Mista de Orçamento de 2018, debateu com Baldy estratégias para a recomposição das perdas.

“Vamos trabalhar pela recomposição orçamentária buscando, principalmente, anulação em outras áreas. Mostrei ao ministro as ações que fiz para melhorar o orçamento que foi encaminhado pelo executivo. Mais de trezentas emendas foram apresentadas por deputados e senadores e muitas foram admitidas”, comentou Hildo Rocha.

PAC

O prefeito de Buriticupu, Zé Gomes, acompanhou Hildo Rocha no encontro com Baldy. Gomes aproveitou para solicitar a retomada de obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) que estão paralisadas no município.