Maranhão

Anajatuba incentiva alimentação saudável em escolas municipais

Um novo projeto está levando para alunos de escolas municipais de Anajatuba, distante a 137 km de São Luís,...

Um novo projeto está levando para alunos de escolas municipais de Anajatuba, distante a 137 km de São Luís, orientações sobre alimentação saudável e boas práticas de segurança alimentar e nutricional. As ações realizadas, por meio do Programa Saúde na Escola (PSE), contam com o apoio da Prefeitura da cidade. De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, durante todo o ano alunos da rede municipal serão beneficiados.

 O prefeito  Sidney Pereira  explicou que a escola é o local ideal para falar sobre a segurança e educação alimentar. Segundo ele, essa é uma ação abrangente, que busca trabalhar toda a comunidade, já que as crianças levam o que aprendem para os pais, demais familiares e amigos.

 “A escola é terreno fértil para implantarmos essa temática sobre a segurança e educação alimentar e nutricional, além da formação de hábitos saudáveis. É uma ação abrangente, que busca trabalhar toda a comunidade, já que as crianças levam o que aprendem para os pais, demais familiares e amigos”, destacou o chefe do executivo anajatubense.

 O QUE É PSE?

Contribuir para a formação integral dos estudantes da rede pública de educação básica por meio de ações de prevenção, promoção e atenção à saúde. Esta é a finalidade atribuída ao Programa Saúde na Escola (PSE) oficialmente instituído em 2007 pelo decreto 6286, de 5 de dezembro, e que atua sob o viés da intersetorialidade.

 A iniciativa parte do entendimento de que a escola como espaço de relações é ideal para o desenvolvimento do pensamento crítico e político, fundamentais para a construção de valores pessoais, crenças, conceitos e maneiras de conhecer o mundo e determinantes para a produção social da saúde.

 De natureza interministerial, o programa tem como principal objetivo proporcionar às comunidades escolares a participação em programas e projetos que articulem saúde e educação, prevendo o enfrentamento das vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças, adolescentes e jovens brasileiros.

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados